Twitter é banido da Nigéria após presidente ter um tweet excluído da plataforma

O governo afirma que vai prender pessoas que tentarem contornar a proibição de uso do Twitter

O Twitter foi suspenso da Nigéria e está sem data de retorno definida. O motivo foi o “pelo uso persistente da plataforma para atividades que são capazes de minar a existência corporativa da Nigéria”, de acordo com um comunicado ( encadeado no Twitter ) do ministro da Informação e Cultura do país. A mudança ocorre dias depois que a rede social remover um tweet ameaçador do presidente Muhammadu Buhari, em que o Twitter interpretou como violação da sua política de “comportamento abusivo”.

Em um tweet na terça-feira (01), o líder nigeriano ameaçou lidar com pessoas no sudeste do país, a quem ele culpa pelos ataques recorrentes à infraestrutura pública da região. “Muitos daqueles que se comportam mal hoje são muito jovens para estarem cientes da destruição e perda de vidas que ocorreram durante a Guerra Civil da Nigéria. Aqueles de nós que ficaram nos campos por 30 meses, que passaram pela guerra, vão tratá-los na língua que eles entendam”, escreveu Buhari no tweet que foi excluído, referindo-se à brutal guerra de dois anos entre a Nigéria e Biafra, que matou de um a três milhões de pessoas, principalmente da tribo Igbo na parte oriental do país entre 1967-1970. O tweet foi excluído na quarta-feira depois que muitos nigerianos o sinalizaram no Twitter.

Leia também: Facebook anuncia fim de tratamento especial para políticos.

A equipe de Políticas Públicas do Twitter disse em um comunicado no sábado que estava “profundamente preocupada” e que trabalharia para restaurar o acesso na Nigéria. A Reuters informou no sábado que o site do Twitter não estava acessível em algumas operadoras de celular da Nigéria, mas parecia funcionar esporadicamente em outras operadoras em Lagos e Abuja, duas das maiores cidades do país.

O ministro da Informação, Lai Mohammed, criticou a ação do Twitter e acusou o gigante da mídia social de “padrões duplos”.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore

Receba notícias em primeira mão

Coloque seu email abaixo

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Somos contra SPAMs e mensagens não autorizadas