2º dia do Cannes Lions encerra com 15 Leões para o Brasil

Sete Leões do Cannes Lions foram para a Africa

O segundo dia de resultado do Cannes Lions 2021 revelou os vencedores de mais seis categorias: Social & Influencer, Media, PR, Direct, Creative Strategy e Creative Data. As cinco primeiras, reveladas ontem, deram ao Brasil um total de 16 Leões, sendo 2 de Ouro, 6 de Prata e 8 de Bronze, distribuídos entre oito agências brasileiras e a produtora de som Studio Tesis.

Novamente, nesta terça (22), o país conquistou mais 15 Leões, dessa vez 3 de Ouro, 4 de Prata e 8 de Bronze, distribuídos agora entre sete agências: Africa, AKQA, VMLY&R e Suno, FCB Brasil, Ogilvy, Soko e Cheil.

Neste segundo dia, o melhor desempenho do Brasil foi em PR, com quatro Leões (2 Ouros e 2 Bronzes) e Media, também com quatro Leões (2 Pratas e 2 Bronzes). Em seguida Direct concedeu 3 Leões (1 Ouro e 2 Bronzes), e Social & Influencer premiou com dois Bronzes. Creativy Strategy e Creative Data deram um Leão de Prata cada.

Somente a Africa conquistou quase metade dos prêmios, somando 3 Ouros e 4 Bronzes. A AKQA e Soko receberam dois Leões cada, sendo 1 Prata e 1 Bronze. VMLY&R e Cheil receberam 1 Leão de Prata cada. E FCB Brasil e Ogilvy ganharam 1 Bronze cada.

Os sete Leões da Africa foram distribuídos em três categorias. Em Direct, a agência levou três Leões, os únicos prêmios do Brasil: 1 Ouro e 1 Bronze para o case “Salla 2032” e um Bronze para “Responsible Billboards”. Em PR, foram três Leões, 2 Ouros e 1 Bronze para “Salla 2032”. E em Social & Influencer, a agência recebeu um 1 Bronze para “GoEqual”.

Social & Influencer concedeu ainda um Leão de Bronze para SweetBlock, desenvolvida pela FCB para a Abraji & Congresso em Foco. Já PR deu um Bronze para Ogilvy, pelo case “Jesus our supporter”, feito para Adidas.

Dos quatro Leões de Media, dois foram de Prata, um para dobradinha VMLY&R e Suno por “We Stand”, feito para o Santander; e outro para a Cheil, por “Anti Bullying Skin”, feito para Samsung. A categoria também concedeu dois Bronzes, um para Soko, por “She Can”, feito para Guaraná Antarctica, e outro para a AKQA por “Silence”, feito para Deezer.

O case “She Can”, da Soko para Guaraná Antarctica, também ganhou um Leão de Prata em Creative Strategy. E o case “Code of Conscience”, da AKQA para Instituto Raoni, ganhou Prata em Creative Data.

Via: Propmark

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore

Receba notícias em primeira mão

Coloque seu email abaixo

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Somos contra SPAMs e mensagens não autorizadas