advil

Advil e Lia Clark lançam campanha LGBTQIA+

Filme de Advil inspirado na história de dor e superação da cantora e drag queen brasileira Lia Clark convida a todos para uma reflexão sobre ódio e discriminação

Advil, marca da GSK Consumer Healthcare – empresa global de saúde presente no Brasil há mais de 110 anos – lança nesta quinta-feira (23) a campanha ‘Você é forte’. A iniciativa, apoiada pela Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Intersexos (ABGLT), traz um filme inspirado na história de dor e superação da cantora e drag queen brasileira Lia Clark.

A produção chega às mídias digitais explorando a grandeza e a coragem de cada indivíduo ser quem, de fato, é. E, dessa vez, a dor física e o alívio por meio de Advil – marca nº1 do mundo – dão espaço para um diálogo mais amplo, abordando outros tipos de dores [as não físicas] enfrentadas pela comunidade LGBTQIA+.

“Queremos provocar uma reflexão coletiva sobre o ódio, a discriminação e o preconceito que ferem milhares de brasileiros, diariamente. Dores que são, quase sempre, vividas em silêncio. Por isso, nossa causa é em prol de uma sociedade onde a diversidade seja respeitada, com mais empatia, e, sobretudo, amor.”, disse Priscila Gama, gerente da Categoria de Pain & Profit Brands.

Em 90″, o filme retrata como uma das maiores representantes da cena musical LGBTQIA+ transformou sua história de dor em superação, trazendo a mensagem ‘Você é mais forte que o ódio. Você é mais forte que a discriminação. Você é forte’. Confira:

“Já sofri muito com o preconceito. Hoje, me sinto privilegiada de poder me unir a uma causa pra lutar contra tudo isso. E abrir espaço para falar sobre a diversidade é extremamente necessário, porque a intolerância está aí, ela existe e machuca. As pessoas precisam se permitir conhecer e ouvir o outro, e entender que toda forma de amor é válida”, contou Lia Clark.

A importância de falar sobre a causa é reforçada pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH), onde o Brasil ocupa a quinta posição no ranking mundial de feminicídio e está no topo do ranking dos países mais violentos para pessoas transexuais.

“Cada vez que conseguimos colocar em pauta o enfrentamento à ignorância do preconceito, seja atuando em campanhas como esta, nas escolas, nas comunidades, na mídia, a gente vai mudando a sociedade. Cada vez que uma de nós brilha em algum lugar, a vitória é de todas nós que estamos aqui resistindo”, disse a paraense Symmy Larrat, mulher trans, jornalista e presidenta da ABGLT.

Uma causa dentro de casa

A GSK Consumer Healthcare (CH) tem abordado, cada vez mais, temas como diversidade e inclusão em suas campanhas e comunicações, a fim de reforçar mensagens contra os diversos tipos de violência que envolvem a comunidade LGBTQIA+. Entre as ações mais recentes, destaque para a campanha ‘Ninguém Cala Esse Nosso Amor’, realizada em parceria com o time carioca Botafogo de Futebol e Regatas, contra a LGBTfobia e a intolerância no esporte.

Apoiar comunidades e abraçar a diversidade está, inclusive, nos valores declarados pela empresa. Por isso, conta com projetos e ações como a Semana da Inclusão e Diversidade (Be You Week), Grupos de Afinidade de Funcionários (ERGs), Programa de Resiliência, entre outros, que possibilitam o envolvimento dos colaboradores em pautas importantes como estas.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore

Receba notícias em primeira mão

Coloque seu email abaixo

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Somos contra SPAMs e mensagens não autorizadas