heineken

Heineken lança campanha com ator de 007

A campanha criada pela Publicis Italy também encontra alguma afinidade com a primeira ação baseada em “Sem Tempo Para Morrer”, lançada em janeiro do ano passado pela Heineken

O filme “007: Sem Tempo Para Morrer”, que teve a estreia adiada devido a pandemia de coronavírus,  enfim se prepara para ser lançado nos cinemas no começo de outubro, um ano e seis meses depois do previsto. Enquanto isso, as marcas que fecharam licenciamento com o projeto começam a se movimentar para fazer o marketing de sua colaboração – e também lidam com o desafio imposto ao filme, que já sai com possibilidade de prejuízo de US$ 50 milhões à MGM.

A Heineken, por exemplo, reativou sua campanha com tema da franquia brincando diretamente com a situação do atraso da estreia. Batizado de “Worth The Wait”, o comercial de 40 segundos divulgado pela marca traz Daniel Craig brincando sutilmente que “valeu a espera” de “Sem Tempo Para Morrer” ao demorar um tempo para servir um copo da cerveja. Confira:

A campanha criada pela Publicis Italy também encontra alguma afinidade com a primeira ação baseada em “Sem Tempo Para Morrer”, lançada em janeiro do ano passado pela Heineken. O comercial ainda acompanha estratégias de marketing recentes da marca para vender a ideia de que cerveja vale muito mais a pena quando servida lentamente. De acordo com o The Drum, a Heineken chegou a conduzir um experimento com 115 pessoas ao oferecer a bebida instantaneamente e depois de uma espera de 30 minutos, com a maioria confirmando ter obtido maior satisfação ao tomar o copo depois da espera.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore

Receba notícias em primeira mão

Coloque seu email abaixo

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!

Somos contra SPAMs e mensagens não autorizadas